Biografia de Drew McIntyre

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Biografia de Drew McIntyre

Mensagem  Batata em Qui Maio 19, 2011 12:33 pm

Andrew "Drew" Galloway nasceu no dia 6 de Junho de 1985. É um wrestler profissional escocês, que actualmente trabalha na WWE, onde luta na Raw.



Carreira no Wrestling Profissional:

Galloway começou a treinar aos 15 anos na Frontier Wrestling Alliance's Academy, quando a sua família se mudou para o sul da Inglaterra para Portsmouth. Na FWA Academy foi treinado por Mark Sloan, juntamente com Justin Richards e James Tighe.



WWE:

No fim de 2006, a WWE foi em turné para a Europa e, antes de gravarem a Smackdown em Manchester, Galloway lutou contra Sheamus O'Shaunessy. No ano seguinte, em Abril, os dois lutaram outra vez em Londres. Mais tarde, no dia 12 de Outubro de 2007, Galloway fez a sua estreia na televisão na Smackdown usando o nome Drew McIntyre. Ele apareceu como uma personagem amigável, implorando aos fãs para torcer por ele, devido à procura da dupla cidadania com os EUA, acompanhado pelo seu amigo Dave Taylor. Ele derrotou Brett Major na sua primeira semana e na semana seguinte derrotou o seu parceiro de Tag Team, Brian Major, com a ajuda de Dave Taylor. McIntyre foi transferido para a Raw no ano seguinte, mas depois de uma vitória a Charlie Haas, no dia 4 de Janeiro, desapareceu da televisão.



The Chosen One (2009-Presente):

No dia 28 de Agosto de 2009, McIntyre voltou para a SmackDown, desconsiderando o tempo anterior na WWE, e estabeleceu-se como um heel, atacando R-Truth, quando ele entrou no ringue, usando o seu novo finisher, o Future Shock DDT.

McIntyre continua a atacar R-Truth na semana seguinte, alegando estar a mostrar a lutar e não festejar como Truth.

No dia 18 de Setembro, enquanto Charlie Haas estava esperando para enfrentar R-Truth, McIntyre veio ao ringue explicar que Truth tinha se lesionado nos bastidores, e depois atacou Haas.

No dia 25 de Setembro, o presidente da WWE, Mr. McMahon, apresentou McIntyre como um "futuro campeão mundial", que tinha assinado pessoalmente. Depois, Truth regressou e atacou McIntyre.

Nas semanas seguintes, McIntyre continuou a estragar festas, fazendo um discurso na "Decade of Smackdown" celebration até que R-Truth apareceu e meteu-o através da mesa e do bolo.

Isto tudo levou ao primeiro combate de McIntyre desde o seu regresso no PPV Hell in a Cell. McIntyre derrotou Truth em menos de 5 minutos.

McIntyre enfrentou Truth mais uma vez num combate e venceu por Count-Out para representar a SmackDown no Bragging Rights, mas no episódio antes do PPV, toda a equipa, os capitães de lado, foram substituídas, deixando McIntyre omitido do evento.

McIntyre teve uma pequena feud com Finlay, da mesma maneira como R-Truth, com combates a não começar correctamente até McIntyre vencer.

No Survivor Series, tinha um lugar na equipa do The Miz. McIntyre, The Miz e Sheamus foram os membros sobreviventes da equipa vencedora; McIntyre eliminou Evan Bourne e Matt Hardy.

Sendo a única superstar da Smackdown a sobreviver contra a equipa de Morrison, McIntyre enfrentou e venceu Morrison algumas semanas mais tarde, colocando-o num combate pelo Intecontinental Championship de Morrison no TLC.

Dias antes do evento, gozou com a herança escocesa de McIntyre, vestindo-se como William Wallace. No TLC, McIntyre consegui o seu primeiro título na WWE. Ele manteve o título contra Morrison e mais tarde contra Kane usando tácticas ilegais.

O seu record invicto terminou num combate para se qualificar para o Money in the Bank Match contra Kane na Smackdown, mas Mr. McMahon forçou Teddy Long para expurgar a perda.

A mesma coisa aconteceu com Matt Hardy antes de McIntyre finalmente se qualificar para o Money in the Bank Match.

O seu record de vitórias acabou decisivamente depois de ser derrotado por Undertaker no dia 19 de Março e ele também não conseguiu vencer o Money in the Bank Match.

Após isso, McIntyre atacou continuamente Matt Hardy até que lhe foi retirado o título no dia 7 de Maio e suspenso para o fim dessa storyline; McMahon decretou que ele foi reintegrado como campeão na semana seguinte.

Como resultado, McIntyre enfrentou Kofi Kingston no Over The Limit, e perdeu o título.

Depois de perder para Matt Hardy no dia 25 de Junho na Smackdown, Teddy Long informou que o visa do trabalho de McIntyre tinha expirado e que ele seria deportado para a Escócia.

Esta storyline era baseada na realidade, uma vez que o visa do trabalho de Galloway tinha realmente acabado.

Ele voltou duas semanas depois e foi restabelecido um pedido de desculpas a Long e qualificar-se para o Money in the Bank Ladder Match, derrotando Kofi Kingston.

Depois de não conseguir ganhar, ele continuou a sua rivalidade com Matt Hardy e o seu amigo Christian.

Ao mesmo tempo, "Dashing" Cody Rhodes também se ofendeu com Hardy e Christian levando uma equipa a ser formada.

No dia 19 de Setembro no Night of Champions, McIntyre e Rhodes ganharam os títulos de Tag Team, derrotando por último Mark Henry e Evan Bourne.

Isso permitiu que eles aparecessem nas duas brands. No Bragging Rights, McIntyre e Rhodes perderam os títulos para Cena e Otunga. Na Smackdown, eles acabaram a equipa. No dia 26 de Abril de 2011, McIntyre foi draftado para a Raw.




Algumas alcunhas: "Thee"; "The Chosen One"; "The Sinister Scotsman.







Música de entrada



Finisher




Para a semana, Evan Bourne!
avatar
Batata

Mensagens : 84
Data de inscrição : 09/03/2011
Idade : 23
Localização : Borba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum